Tag: Foco

Vaca não dá leite

Vaca não dá leite .Escutei esta expressão em uma palestra do prof. Mário Cortella. E olha que isto já deveria ser do meu conhecimento. Afinal meu sogro era produtor de leite ou “leiteiro” no linguajar popular.

Vaca não dá leite baseado em uma apresentação do Prof. Cortella
Vaca não dá leite

Comecei a lembrar como a vaca “dá leite”.

Primeiro precisam amarrar as pernas da vaca.

Se ela ficar solta, vai acabar virando o balde de leite e ainda tem um enorme risco do ordenador de tomar uma patada.

Ah, não esqueça de prender o rabo também. Ele pode te atrapalhar bastante.

Mas o leite não desce de forma automática. Uma vez imobilizada a vaca é necessário limpar suas tetas. Depois de limpo deve-se massagear para estimular o leite descer e finalmente é preciso ordenhar a vaca, seja de forma manual ou automática.

Quando eu comecei a namorar a minha esposa logo fiz uma vista ao Tambo de Leite (nome do galpão onde as vacas pernoitam, se alimentam se forem confinadas e onde a ordenha ou a coleta do leite é feita.

A família da minha esposa me “convidou” a fazer a atividade que parecia tão simples e fácil.

Gente, vocês não têm ideia do esforço que é preciso fazer para tirar uma mísera caneca de leite.

Para quem não tem prática basta meia dúzia de movimentos de apertar o úbere da vaca para você sentir um formigamento e cansaço. É preciso ter a técnica correta para fazer isto durante um bom tempo para ordenhar o rebanho todo.

O equipamento para coletar automaticamente é ótimo mas caro. Nem todos os produtores conseguem ter acesso a essa tecnologia.

Bem e o que o leite da vaca tem a ver com o mundo corporativo?

Se eu tivesse de resumir em uma frase diria que “Nada vem por acaso ou de graça!”.

Se você ficar esperando que a vaca dívida o leite dos bezerrinho dela contigo, estás frito e desnutrido.

É preciso agir correr atrás das seus objetivos e sonhos. E trabalhar! Muito! Use a sua criatividade mas ponha mão na massa.

E quando estiver desestimulado, cansado, lembre-se que Vaca não dá leite! E continue a correr atrás de seus Sonhos!

Se preferir, escute este episódio no meu podcast:

Leia também a fábula corporativa “O monge e a vaca no precipício

+2

Você não Dirige? Por quê?

Você não Dirige? Por quê? A vida inteira ouvi esta pergunta como se eu fosse o ET de Varginha. E a maioria das pessoas esperavam um resposta do tipo um acidente fatal com alguém da familia ou um trauma que me marcou para o resto da minha vida .

Você não Dirige? Por quê?Ford modelo T
Você não Dirige? Por quê?

Ficam mais atônitas quando eu simplesmete dizia, Porque eu não gosto!

Como assim? Foi uma escolha que fiz. Prefiro usar o metrô agora que vivo em São Paulo. Em Porto Alegre usava lotação. Minha vida nestas duas cidades e a maioria onde passei boa parte sempre foi fácil. Duro foi em Brasília pois morei quatro anos e na época não tinha metrô. E na urgência? E quando não tem metrô? Uso sempre que possível o metrô e se tiver urgencia a últimilha milha uso um motorista de aplicativo. Fica rápido e barato.

Todo mundo me lembra o conforto do carro, a facilidade de chegar rápido a qualquer ponto. Poucos lembram do engarrafamento das marginais e outras avenida,, da dificuldade de estacionar e preços absurdos dos estacionamentos. Uma escolha. E como toda ela tem vantagens e desvantagens.

Hoje dia do Motorista assisti um vídeo do Professor Cortela onde ele relata este mesmo sentimento. Ufa! não sou tão anormal assim. Ele é um dos nossos!

Eu aproveito o tempo de forma maravilhosa. Leio parte da viagem (neste momento tenho na minha mochila o livro com a biografia do Tim Cook) esperando o isolamento social passar). Dependendo da distância até tiro um cochilo se estou cansado no final do dia.

Escrevi muitos artigos no Blog no trem como me referido ao metrô e respondo a muita gente nas redes sociais e o meu whatsapp, que toca mais do que gostaria é verdade. Nas minhas contas, ganho de uma a duas horas por dia com esta decisão.

Lembre-se a vida é feita de escolhas. Faça as suas e não se preocupe com a opinião alheia, se tiver convicção do caminho escolhido.

Leia também Ando devagar porque já tive pressa (clique aqui para ler o artigo)

+5

O Poder do Não

O Poder do Não. Quando eu era pequeno era feio dizer não. Eu cresci tentando dizer SIM a todo custo, E com o passar do tempo, percebi que muita gente se aproveitava desta minha característica e me pediam tarefas e atividades demais para eu fazer que não tinham a ver com minhas responsabilidades ou que eram absolutamente inúteis.

O Poder do Não. Foto: osegredo.com.br
O Poder do Não
Leia mais
+3

Fique calmo (a) mas se mexa

Fique calmo (a) mas se mexa ! Neste bombardeio de más notícias da pandemia é preciso manter a tranquilidade para enfrentar a tempestade e conseguir tomar as melhores decisões em um ambiente de muitas transformações repentinas e inesperadas.

Em um ambiente assim, a pior decisão é ficar parado, imóvel e congelado. Não fazer nada é quase ser condenado a morte. Seja do ponto profissional quanto de negócios.

Fique calmo (a) mas se mexa
Fique calmo (a) mas se mexa
Leia mais
+1