Embraer terá recuperação completa até 2023

Embraer terá recuperação completa até 2023. Embraer reconstrói credibilidade com mercado, mas verá recuperação completa só em 2023.

Embraer terá recuperação completa até 2023 (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)
Embraer terá recuperação completa até 2023 (Imagem: REUTERS/Paulo Whitaker)

Apesar do momento ainda difícil, o pior da crise enfrentada pela Embraer, que combina os efeitos negativos da covid-19 na aviação comercial e o fim da parceria com a Boeing, pode ter ficado para trás. Segundo o presidente da companhia, Francisco Gomes Neto, nos próximos três ou quatro anos, a empresa terá condições de retomar o tamanho em receita que tinha antes da pandemia. E até se tornar maior, nas palavras do executivo ao Valor. “Fizemos a lição de casa. Estamos muito confiantes nesse planejamento”, afirmou.

Ele disse que o segundo semestre foi marcado por trabalho intenso, ajustando o tamanho da operação à nova realidade de mercado. Houve redução importante no quadro de funcionários no país, com corte de 2,5 mil postos, e a redução nas despesas com vendas, gerais e administrativas entre o primeiro e o quarto trimestres chegou a 30%, totalizando US$ 399 milhões no ano. Ao mesmo tempo, a administração concluiu o plano de negócios que orientará a rota da Embraer entre 2021 e 2025

Leia também o artigo sobre a desistência da Boeing em comprar a Embraer

Fonte Valor Investe e Money Times

0