Startup de logística Trizy compra B3Agro

Startup de logística Trizy compra B3Agro . A plataforma digital de serviços para caminhoneiros Trizy, controlada pelo grupo Cosan (CSAN3), anunciou na terça-feira 05/01/2020 a compra da startup paranaense B3 Agro.

Startup de logística Trizy compra B3Agro
Startup de logística Trizy compra B3Agro

A aposta ´´é ampliar a base de clientes em meio à crescente demanda por serviços integrados de logística devido à pandemia da Covid-19.

Parte da operação da Trizy, criada há 14 meses, é similar a de plataformas digitais de fretes rodoviários, como CargoX, TruckPad e BBM Logística.

A companhia afirma já ter movimentado mais 1,5 bilhão de reais em fretes. Com a aquisição da B3 Agro, a base ativa dos que usam o aplicativo todo mês sobe de 50 mil para 80 mil.

Mas o aplicativo da Trizy, que tem sede em Ponta Grossa (PR), também agrega serviços como digitalização de documentos, GPS personalizado para caminhões e de postos e serviços nas estradas. Com isso, cria uma chance de recorrência maior do uso de seu aplicativo pelos caminhoneiros, podendo funcionar como uma espécie de marketplace do setor.https://270687fbc970ef1350415770e971515d.safeframe.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

“Cerca de metade dos usuários interage pelo aplicativo diariamente e este é o número que interessa porque abre diversas possibilidades de negócio”, disse o presidente da Trizy, Renato Gouveia.

Com a compra da B3 Agro, sediada em Joinville (SC), o volume mensal de agendamentos de operações como fretes pelo aplicativo da Trizy sobe de 150 mil para 400 mil. A meta é atingir um total de 6 milhões em 2021.

Segundo o executivo, apesar do ganho de eficiência obtido com as plataformas de fretes ao propiciar um encontro entre oferta e demanda, há uma variedade de outras situações que frequentemente atrasam os fretes, como congestionamento em portos ou falta de informações específicas em serviços de GPS para trânsito de caminhões.

“Em alguns casos, o pulo do gato é avisar o caminhoneiro para não ir ao porto lotado, mas reprogramar a viagem para não ficar várias horas numa fila”, disse Gouveia.

O portal inclui também gestão de transportadoras e tracking das viagens, serviços demandado principalmente por empresas, público que é maior responsável pela rentabilização do negócio.

Embora seja controlada pela Cosan, a Trizy, que também tem como sócia a empresa de tecnologia KMM, tem gestão autônoma. O executivo prevê que o negócio atingirá lucratividade em 2022.

Fonte: MoneyTimes

+1