Startup de mobilidade acelerada pelo Google

Startup de mobilidade acelerada pelo Google . Startups de mobilidade e design estão em nova turma de aceleração do Google. Dez startups de diferentes setores foram escolhidas para a 7ª turma do Google for Startups Accelerator, o programa de aceleração da gigante do Vale do Silício.

Startups de mobilidade aceleradas pelo Google *ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 07.06.2016 - Ambiente do Campus Google Space, na região do Paraíso. (Danilo Verpa/Folhapress)
*ARQUIVO* SÃO PAULO, SP, 07.06.2016 – Ambiente do Campus Google Space, na região do Paraíso. (Danilo Verpa/Folhapress)

Entre elas estão a Tembici, voltada para o compartilhamento de bicicletas, e a Trakto, plataforma de design. A maior parte, no entanto, é dedicada a oferecer soluções inteligentes para empresas, caso da CyberLabs, que trabalha com inteligência artificial, e o Easyjur, que auxilia na gestão de escritórios de advocacia.

O programa de aceleração do Google chegou em 2016 ao Brasil para fomentar empresas inovadoras que estivessem começando. Entre os nomes que já passaram pelo processo estão o Nubank, a Loggi e o Grupo Zap.

Segundo a empresa, na edição anterior do programa de aceleração, que aconteceu também neste ano, 9 das 10 startups participantes tiveram redução de custos operacionais e tecnológicos.

A partir de agora e durante três meses, as empresas selecionadas vão receber mentoria de empresários e especialistas de diferentes países para a solução de problemas relacionados a uso de nuvem, machine learning e publicidade. Diferentemente de edições anteriores, o processo será feito inteiramente online. Recentemente, o Google anunciou também um programa de investimentos dedicado a startups criadas e lideradas por negros.

Startup de mobilidade acelerada pelo Google e outras cias na 7a. turma

CyberLabs: Auxilia empresas a otimizarem decisões de negócio usando inteligência artificial.

Easyjur: Software jurídico para advogados, que auxilia na gestão de escritórios.

Glic Diabetes: Conecta paciente e equipe de saúde para o tratamento de diabetes, com base em dados.

Magnetis: Plataforma de gestão de patrimônio digital e investimentos inteligentes.

Mangos: Aplicativo em que consumidores podem ganhar dinheiro enquanto fazem compras.

Nama: Auxilia empresas a oferecerem experiência assertiva e personalizada ao consumidor.

Niduu: Usa gamificação para treinamento e engajamento de funcionários.

Power of Data: Auxilia empresas com análise de dados e desenvolvimento de ferramentas próprias.

Tembici: Empresa de tecnologia de micromobilidade para espaços urbanos.

Trakto: Plataforma de criação e design de materiais de marketing

Fonte: Folha de São Paulo

0