Centro de Distribuição do Mercado Livre inaugurado em Salvador

Centro de Distribuição do Mercado Livre inaugurado em Salvador . O novo Centro de Distribuição do Mercado Livre já está operando em Lauro de Freitas, na região metropolitana de Salvador. A operação foi iniciada na quarta-feira, 26/08/20, e deve impactar positivamente em toda região, incluindo os municípios de Camaçari e Simões Filho.

Centro de Distribuição do Mercado Livre inaugurado em Salvador Operação do centro gera empregos e beneficia consumidores de toda a região Nordeste - Foto: Divulgação|
Centro de Distribuição do Mercado Livre inaugurado em Salvador

Trata-se do primeiro centro de distribuição do Mercado Livre no Nordeste. A empresa contou com apoio institucional do governo da Bahia, por meio das Secretarias de Desenvolvimento Econômico, Planejamento e da Fazenda. O início da operação levou a geração de, pelo menos, 500 empregos

Com investimento total em torno de R$90 milhões, a obra foi executada pela Construtora Andrade Mendonça e possui a certificação ambiental LEED, está sendo realizada em uma área de 226 mil metros quadrados e gera cerca de 400 empregos diretos. A área total construída ultrapassa 56 mil metros quadrados, enquanto a área preservada chega a 91.658,85 m².

Apesar das dificuldades impostas pela pandemia, a Andrade Mendonça conseguiu manter o cronograma, seguindo todos os protocolos sanitários para resguardar seus colaboradores. Com isso, a primeira etapa da obra foi entregue no prazo estipulado. 

A operação no Centro de Distribuição em Lauro de Freitas será no modelo Fullfilment, em que o Mercado Livre fica responsável por todo o processo logístico do vendedor do marketplace, do estoque de produtos ao pós-venda. O objetivo do Mercado Livre é realizar entregas no mesmo dia ou até o dia seguinte para Salvador e Região Metropolitana.

Além das entregas mais rápidas para toda a Região Nordeste, a empresa espera aumentar a oferta de fretes grátis para os compradores da região.

Leia também Mercado Livre é a empresa mais valiosa da América Latina (clique aqui para ler o post)

Fonte: Jornal A Tarde/UOL

2+