Meus segredos na logística

Meus segredos na logística . Algumas pessoas me pedem para eu explicar o “pulo do gato” ou os meus segredos depois de tantos anos atuando em Logística sem perder o contato com o chão de fábrica.

Os segredos de Rogério Barrionuevo na logística finalmente revelados!
Meus segredos na logística

Então decidi revelar alguns de meus segredos e espero que de alguma forma sejam úteis para vocês.

Eu tenho compartilhado vários artigos nas redes sociais nos últimos meses com passo a passo de diversas atividades importantes no dia-a-dia da Logística e vou continuar este trabalho que considero que é útil aos profissionais de todas as etapas da cadeia logística.

Mas existem alguns “segredos” e vou revelar os meus seis principais e favoritos de logística.

  1. Estudar muito – Muitas pessoas pensam que pelo fato de eu estar há muito tempo na estrada não tenho mais nada a aprender. Ledo engano. Eu aprendo com todo mundo. Claro, existe o conhecimento formal que adquirimos através de cursos, palestras, livros, artigos e vídeos e utilizo permanentemente tais recursos.. Mas aprendo também e muito com pessoas e não deixo passar uma oportunidade em branco.
  2. Aprenda a ouvir – Dialogo com pessoas de todos os escalões. Algumas delas tem uma grande vivência prática e com várias ideias criativas e só estão esperando uma ocasião para poder compartilhar com você. Mas você precisa aprender a ouvir, dar espaço para que as pessoas possam falar sem receio, de igual para igual. Esta é uma das principais virtudes dos programas de qualidade, em especial dos japoneses. Ouvir os principais problemas e sugestões do pessoal do chão de fábrica, analisar com profundidade o que foi relatado e dar o devido retorno (feedback) e o crédito ajudam a criar um canal de comunicação entre a base da operação e sua média e alta gerência.
  3. Observar atentamente o que está acontecendo – Acompanhe de perto o que está acontecendo com seus próprios olhos e não apenas através de relatos de terceiros à distância, encerrado em seu escritório. Depois de olhar e debater com os envolvidos tire suas próprias conclusões. Você viu a série Chefe Secreto do Fantástico? Viu a diferença de percepção dos executivos, depois de terem vivenciado a realidade de suas Organizações sem intermediários?
  4. Confira pessoalmente se as suas recomendações foram de fato implementadas – Regularmente faça um tour e confira se fato suas recomendações ou de sua equipe foram colocadas em prática nos prazos e de acordo com as recomendações definidas pela alta direção. Você vai se surpreender. A nossa capacidade de procrastinar ou empurrar com a barriga é muito maior que a nossa melhor expectativa pode pensar. Em boa parte das situações, você vai perceber que muitas de suas decisões sequer foram implementadas e você já querendo medir os resultados face o tempo decorrido…
  5. Troque ideias. Compartilhe conhecimento – Não só internamente com seus colaboradores, mas com clientes e fornecedores. Todos estão ávidos por mudanças que possam melhor a qualidade, aumentar a produtividade e reduzir custos, baseados em uma relação ganha-ganha. Portanto, interaja com todos, estimulando a criatividade e crescimento profissional do seu time e parceiros.
  6. Experimente. Não tenha medo de errar. Vá em frente. O mundo está mudando com uma velocidade fantástica. Saia da zona de conforto. . E se é para mudar, esteja no pelotão da frente liderando o processo de mudança.

 Se você preferir, assista o vídeo que preparei sobre o mesmo tema, ou se preferir escute ele como podcast

Meus segredos finalmente revelados!
2+